Universo de cada um



A voz de Deus entoa cantos pela eternidade lendo notas musicais nas estrelas,que compõem uma infinita pauta na amplidão. Essa voz só é percebida se ficarmos em silêncio,meditando,observando tudo ao nosso redor e em sintonia com nosso interior,o que nem sempre é fácil na rotina diária da vida em borburinhos mil.Porém sempre um segundo sobrará para tal procedimento,basta querer. A poesia é um canal à essa introspecção,nela pensamos,seja em qualquer modalidade e assim podemos aliar este momento interativo com a alma ou coração e ouvir a voz de Deus,do Criador de todas as coisas,ou no que acreditarmos,conforme a nossa fé.
Paz e luz a todos!

2 comentários:

  1. Vai firme, Marilda!Tá tudo bem no blog! E pensas que sei. sou uma ANTA!!rs beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe muito Chica,seus blogs são maravilhosos.Bjs.

      Excluir